PUBLICAÇÕES

DIVERGENTES

Faz o teu download e contacta-nos para teres uma versão impressa! 


Depois de reunidos conceitos e definições de géneros e sexualidades, depois de visitados marcos e memórias da história feminista e LGBTQIA+ em Portugal, damos agora voz aos sentimentos, às experiências de luta, de coragem, de resistência.

Pessoas que desafiam a norma. Resistentes. Divergentes.

Bravas.


Nada é mais importante para viver bem o futuro do que conhecer o nosso passado. Fazer e ter memória é essencial para avançar. Esta publicação é uma proposta aberta, em constante construção e (des)atualização. Uma publicação que se compõe por eventos e momentos, mas sobretudo de memórias coletivas das gentes que estiveram presentes, que impulsionaram, que saíram à rua, que deram de si por um futuro melhor. 

Com os contributos de Manuela Tavares, Fabíola Cardoso, Sérgio Vitorino, Eduarda Santos, Miguel Vale de Almeida e António Fernando Cascais.

isto não é um glossário assume-se [num] contínuo exercício de des/construção de termos, demarcando uma posição interseccional e crítica sobre os movimentos linguísticos que moldam o nosso entendimento da humanidade e das suas possibilidades. isto não é um glossário estará sempre incompleto. assumimos que faltam palavras e sempre faltarão. as in/definições apresentadas estão (propositadamente) inacabadas. a sua incompletude é um ponto de ordem porque, tal como nas questões dos géneros e das sexualidades, não é passível de se conhecer todas as possibilidades nem de, em absoluto, traduzir a diversidade de existir.

Algum conceito importante que ficou esquecido? Um marco histórico que não incluímos? Tens uma experiência ou criação que queiras partilhar?

Envia-nos os teus contributos!   

gentopia - Associação para a Diversidade e Igualdade de Género

gentopia.adig@gmail.com